contatos@ronaldobezerra.com
85 9770.1807 - 8701.3387

Ronaldo A. Bezerra

quarta-feira, setembro 04, 2013

INTIMIDADE

"O Senhor é a minha força e o meu cântico; ele é a minha salvação" [Salmos 118:14]. 


Tenho entendido ao logo do tempo, que precisamos tomar atitudes centrada, sem medo, sem constrangimento. Para seguirmos em frente, é necessário um ato de coragem de nossa parte, somente assim realizaremos o que sabemos fazer de melhor. Quando eu decido continuar fiel a Deus, não deixa de ser um ato de coragem, pois compreendo que a fonte da minha força é o "SENHOR". O meu cântico pode muito bem reverberar, através da minha intimidade com Ele, buscando-o no silêncio da minha alma, na quietude do meu ser. Quando estendo minha mão ao caído, o meu cântico exala o perfume dos céus, um aroma suave chega as narinas do "Criador", cumpro o meu papel de servo, de próximo, amigo, irmão e herdeiro e co-herdeiro com Cristo. O impulso do nosso coração, quando alinhado com a graça, nos leva a mais profunda atitude, "Amar", assim como somos amados por "Deus". Nisto o conhecemos o que é o amor: "Jesus Cristo deu a sua vida por nós, e devemos dar a nossa vida por nossos irmãos".
Força, é a faculdade de operar, de executar, de mover. A minha força e o meu cântico é o "SENHOR". O salmista está declarando que ele, nada poderá realizar sem esta conexão, assim como um coração recebe todo o fluxo de sangue que corre em nossas veias, semelhantemente todos os dias de nossas vidas, está escrito no Livro de Deus. Quando perdemos essa perspectiva, em quem poderemos esperar? As coisas efêmeras deste mundo nos assedia oportunamente, mudamos nossa perspectiva de vida como se muda de roupa, trocamos nossos propósitos por lentilhas azedas, vencidas pelo tempo. Mas, com Deus não funciona desta forma, "os propósitos d'Ele são inegociáveis, as promessas são realizáveis, Ele não vacila em cumpri-las.
Nele, vivemos, nos movemos e existimos. A questão, é que nem todos assimilam esta verdade como realmente ela é, torna-a seu ponto variável, ao seu bel prazer, moldando-a de acordo com os acontecimentos da vida, como se fossemos criados para Ela, e não Ela para nós (A Palavra). Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor. No amor não há medo, pelo contrário o perfeito amor lança fora o medo. Nossa salvação é o "SENHOR", nossa casa terrena é d'Ele, nossos filhos são d'Ele, nosso cântico vem d'Ele, é para Ele. Quem fortalece o cansado é Ele e quem dá grande vigor ao que está sem forças, somente Ele. Quando alguém for tentado, jamais deverá dizer: "Estou sendo tentado por Deus, pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta". Cada um porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta arrastado e seduzido. Não se deixe vencer pelo mal, mas vença o mal com o bem. Faça do "SENHOR" a força do seu cântico e a sua salvação. 

Ronaldo A. Bezerra
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário