contatos@ronaldobezerra.com
85 9770.1807 - 8701.3387

Ronaldo A. Bezerra

terça-feira, abril 24, 2012

É ESTA A TUA ORAÇÃO?

"Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida" (1 Timóteo 1:5).
  • UM CORAÇÃO PURO - O salmista faz uma petição a Deus: "Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto". Somente quando nos arrependemos e confessamos nossos pecados e deixamos de praticar atos repreensíveis diante de Deus, abomináveis ao Seus olhos, então poderemos abrir nossa boca e direcionarmos nossa oração ao Trono da Graça na certeza que em momento oportuno o socorro virá. Quando caímos em si, compreendemos o verdadeiro sentido da valorização mútua, a falta do suprimento alimentar nos leva a meditarmos a respeito de como é necessário a provisão devida para cada dia. Por este motivo Jesus Cristo nos deixou a oração do Pai Nosso. "O pão nosso de cada dia dai-nos hoje", a provisão é para hoje, a presença de Deus e a Sua  essência, é para hoje. "Perdoa os nossos pecados", Deus tem nos perdoado a todo instante, a toda hora, em todo o tempo, e você tem cumprido a sua oração? Você tem perdoado aqueles que tem te ofendido?
  • UMA BOA CONSCIÊNCIA - Quão maravilhoso é termos conhecimento desta verdade: "Conservando a fé, e a boa consciência, a qual alguns, rejeitando, fizeram naufrágio na fé". O apóstolo Paulo está declarando que muitos ao rejeitar "A boa consciência", desistiram, se desanimaram, não desenvolveram sua fé, pelo contrário, naufragaram, ficaram a deriva, simplesmente porque fizeram pouco caso da boa consciência. Mas, quando temos uma consciência boa segundo as Escrituras, os nossos inimigos são confundidos, "Tendo uma boa consciência, para que, naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, fiquem confundidos os que blasfemam do vosso bom porte em Cristo" ou seja, seu procedimento, seu testemunho de vida, a "Vida" de Cristo Jesus evidenciada através da sua "vida", ao olhar para você as pessoas vêem algo diferente, a maneira como você se expressa, sempre colocando o outro em primeiro lugar. "Perdoa os nossos pecados assim como  nós temos perdoado a quem nos tem ofendido. É esta a tua oração?
  • UMA FÉ NÃO FINGIDA - Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti. A importância da família, do aprendizado, a transferência de valores, é o que nós vemos nesta declaração de Paulo a Timóteo. Primeiro Paulo reafirma a fé que há em Timóteo, em seguida ele procurar trassar uma linha de raciocínio, delineada, descritiva, nominal: "Lóide, Eunice", somente ai, se apresenta três gerações. Estes três aspectos são suma importância para o desenvolvimento da sua fé, "Um coração Puro, Uma boa Consciência e claro, Uma fé não fingida. Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor. Se perdoe, perdoe alguém, se ame, ame alguém. Não nos permita cair em tentação, mas livra-nos do mal, amém. Afinal... hoje é terça - feira.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário