contatos@ronaldobezerra.com
85 9770.1807 - 8701.3387

Ronaldo A. Bezerra

domingo, dezembro 04, 2011

EXPERIÊNCIA

Hoje é segunda - feira... "Sabendo que a tribulação produz a paciência, E a paciência a experiência, e a experiência a esperança" (Romanos 5:3,4).
  1. TRIBULAÇÃO - Como não dizer que a tribulação é um desassossego? Talvez você esteja passando por uma perseguição, se sentido angustiado, sem saber o que fazer, olha para um lado e para outro e não ver saída, senão, tomar uma atitude. O problema não está na atitude, mas, que tipo de atitude estamos tomando? Não devemos atribuir o passar por provações ao Diabo, pois nem sempre a provação que passamos vem dele. Devemos ponderar diante de qualquer atribuição de nossa parte, pois o maior interessado em forjar nosso caráter, constranger-nos com o seu amor é o "SENHOR NOSSO DEUS", Ele tem todo o poder de nos moldar segundo a Sua vontade.
  2. EXPERIÊNCIA - O interessante disso tudo, que a base da experiência é o experimento, ou seja, é provar as próprias forças em detrimento daquilo que se quer alcançar. Mas, quando se trata de vida espiritual, caminhada com Deus, o sentido da estrutura muda de direção, temos que se esvaziar de nós mesmos, de toda e qualquer força braçal, intelectual, filosófica, e entender que o poder de Deus se aperfeiçoa na tua fraqueza, na minha e na fraqueza do nosso irmão. Como iremos ter paciência sem antes passarmos por afrontas? Como iremos acumular experiências em determinadas áreas de nossa vidas, sem primeiro ter passado por elas para depois testemunha-las?
  3. ESPERANÇA - A tribulação produz a paciência e a paciência experiência, e a experiência esperança. O apóstolo Paulo dissertando acerca da salvação declara: "Porque em esperança fomos salvos. Ora a esperança que se vê não é esperança; porque o que alguém vê como o esperará? Agora, pois, SENHOR, que espero eu? A minha esperança está em ti, declara o salmista. Permita-me te falar algo: você com certeza já passou por várias experiências, na área sentimental, relacional, familiar, profissional..., espiritual. Porque eu deixei a espiritual por ultimo? Simplesmente por que não priorizamos nossa vida espiritual, não temos tempo para conversar com Deus, falar do nosso amor por Ele, contar nossos anseios, ter uma vida íntima com Ele e depender exclusivamente Dele, não é mesmo? Tenha esperança, tudo isto que você está passando, vai passar, o choro pode até se estender por uma noite, mas, com certeza o regozijo, a alegria e a exultação, vem pela manhã. Afinal... hoje é segunda - feira.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário