contatos@ronaldobezerra.com
85 9770.1807 - 8701.3387

Ronaldo A. Bezerra

terça-feira, novembro 29, 2011

PERDÃO

Hoje é terça - feira... "A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como vos convém responder a cada um" (Colossenses 4:6).
  1. AGRADÁVEL - Como se torna difícil em determinado momento, sermos agradáveis com alguém que nos feriu, nos caluniou, nos traiu, não é mesmo? Mas, permita-me compartilhar uma experiência minha. Certa vez fui mal compreendido ou interpretado equivocadamente, mediante esse acontecimento fui humilhado, maltratado e ferido. Confesso que por algum tempo não fui agradável com esse irmão, até mesmo quando minha esposa mencionava seu nome, me sentia ressentido e triste, a reverberação de suas palavras era intensa, maltratava meu coração e não conseguia perdoa-lo. Havia outro som mais intenso ainda, que era: "Vos aperfeiçoe em toda a boa obra, para fazerdes a sua vontade, operando em vós o que perante ele é agradável por Cristo Jesus, ao qual seja glória para todo o sempre. Amém. Dava-se início a um tratamento de Deus em minha alma.
  2. CONSISTENTE - Temperada com sal. Você já meditou nessas palavras de Paulo? "A (sua) palavra seja temperada com sal". O sal traz consistência, conservação, e para termos um relacionamento agradável, consistente, precisamos nos perdoar mutuamente assim como o SENHOR nos perdoou. Mas, esse é um processo continuado, é uma sucessão de acontecimentos que devemos nos lembrar sempre, que a nossa suficiência é ineficaz, haverá um momento em que estaremos decepcionados, feridos, maltratados, sem forças para reagir, fracos. O poder de Deus se aperfeiçoa em nossa fraqueza, minha suficiência (graça) te basta. é exatamente isso que Cristo Jesus está nos dizendo. Precisamos ser consistentes naquilo que realizamos. Perdoar.
  3. CADA UM - Quando não perdoamos, ficamos como estivéssemos aprisionados um ao outro, e o propósito de Deus para as nossas vidas é a "Liberdade", é o amor, é a mutualidade evidenciada através da graça que nos conduz para a cura da alma, para compreensão do chamado para o ministério da reconciliação em Cristo Jesus. Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo? E que concórdia há entre Cristo e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel? Precisamos urgentemente declarar para o SENHOR "Dá-me entendimento, e guardarei a tua lei, e observá-la-ei de todo o meu coração. Afinal... hoje é terça - feira.


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário